5 Regras Básicas Sobre Ternos que Você Precisa Conhecer

Postado em maio, 2015

O terno é uma peça-chave no guarda-roupa masculino, um código universal de estilo, elegância e bom gosto. Perfeito para causar uma boa impressão. Muitas vezes ele é utilizado no trabalho, em reuniões de negócios, eventos sociais e diversas outras ocasiões que demandam elegância ou credibilidade. Homens de estilo precisam saber exatamente como aliar detalhes fundamentais para que o visual fique na estica.


São dicas básicas que eu uso no meu dia a dia e que farão toda a diferença pra você também. Portanto, veja estas 5 regras básicas sobre ternos e em seguida passe pro segundo estágio, o do gentleman, lendo o post Na Estica de Terno e Gravata.

Camisa

Para não errar com a camisa que vai utilizar, a regra é: o seu terno precisa ser sempre mais escuro do que ela. Então, prefira tons mais claros e com padrões discretos para não “brigar” com o restante do visual. Quanto a gola da camisa, ela não precisa chamar mais atenção do que o paletó. Opte sempre por golas menores e que não fiquem muito apertadas ao ponto de causar desconforto na região do pescoço. Outra dica fundamental: se você sua muito, vista uma camiseta pele por baixo.

Gravatas

Sobre o tamanho, a dica inicial é simples: ela deve tocar ou cobrir a fivela do seu cinto. Mais ou menos do que isso, pode causar uma má impressão. Falando de estampas ou padrões, apenas utilize-os se a camisa for lisa, mas se você curte um visual mais arrojado, pode até combinar padrões, tomando sempre cuidado com as cores, utilizando um tom sobre tom para não errar. A largura da gravata é uma questão de tendência. Em determinadas épocas ela é utilizada mais larga, em outras, mais finas. O que tem sido tendência agora é utilizá- la fina e lisa. Para não escorregar, use- a da largura da lapela do paletó.

Cinto

Cores neutras são a melhor pedida. Marrom, preto, café são as mais utilizadas e definitivamente as mais fáceis de combinar. Você não precisa obrigatoriamente combiná-lo com o sapato, mas precisa pelo menos seguir a mesma tonalidade ou estilo. Quanto a fivela, dê preferência às mais discretas e sem muito brilho.

Calça

Quando for escolher a calça, além de confortável, ela precisa cobrir bem o seu sapato. Fica muito inadequado quando você está de pé e ela mostra algum pedaço da sua meia. Na hora de escolher, fique em pé na frente do espelho e use um sapato para provar a calça. O comprimento ideal é alinhado com a parte traseira do sapato. Se ficar maior, use do serviço de barra da própria loja, a maioria delas tem.

Paletó

Finalmente, para não ter erro nesta peça que dá a cara do look, foque em alguns detalhes essenciais. As lapelas mais finas são mais modernas, as mais largas, mais clássicas e talvez até, antiquadas. O tamanho ideal do paletó é quando ele passa uns quatro dedos abaixo do cinto e o cobre. A respeito de cores, ele precisa ser mais escuro do que a camisa e a gravata para trazer sobriedade ao visual. E se você ainda tem dúvida sobre o último botão, de uma vez por todas: é sempre desabotoado!

E aí, foi útil pra você? Agora não dá mais pra errar ao escolher e se vestir com essa composição coringa no universo masculino. Qualquer duvida comente lá embaixo.

 

Sergio Marone veste Emporio Armani
Imagens: Jeff Segenreich

 

1 Comentário

  • Marcelle maio, 2015 em 03:24

    Me diz por que você me lembra tanto o Grey de cinquenta tons de cinza ? Acho que estou apaixonada rsrs

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esta é uma loja de demonstração para fins de teste - As compras realizadas não são válidas. Dispensar